Poesia voltar para a página inicial

Nós devemos crer Nós devemos crer(4)

Não quero ter amigos
Nem ao menos estar vivo,
Sempre serei um nada
Pois tenho uma só alma.

Sempre tenha medo
E lute pelo desejo,
De nunca poder mentir
Assim será feliz.

Nunca seja um poeta
Viva o que lhe resta,
Nunca será feliz
Será apenas igual a mim.

Agora escreva poemas
E destrua seus problemas,
Não procure um porque
Apenas comece a escrever.

Junio Mateus Souza

Agenda

leia mais
Error, no group ID set! Check your syntax!
Error, no group ID set! Check your syntax!

Publicidade

Error, no group ID set! Check your syntax!
Error, no group ID set! Check your syntax!

Contato e informações

Redes Sociais

Categorias mais populares

© 2011 | Desenvolvido por: Fernando Lopes | Todos os Direitos Reservados.